EXAMES TOXICOLÓGICOS PARA MOTORISTAS

Os exames toxicológicos tem obrigatoriedade pelas empresas em processos de pré-admissão e desligamento a partir de Setembro de 2017, conforme determina o CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), para motoristas com carteiras C, D e E, contratados por regime CLT. Especificamente, os exames deverão ser do tipo de larga janela, onde é possível detectar a presença das substâncias desde um período de tempo maior em relação ao uso, como os exames que são feitos a partir de coletas pelo cabelo ou pelos.

Tipos de substâncias que podem ser encontradas:

  • Depressivas: diminuem a atividade do cérebro, deixando com que os processos cerebrais se tornem mais lentos. Exemplos: bebidas alcoólicas, barbitúricos, lança perfume, morfina, diluentes, ópio, inalantes, etc.
  • Alucinógenas: Geram alucinações e consternações de cunho psíquico. Exemplos: maconha, haxixe, LSD, DMT, ecstasy, algumas espécies de cogumelos, etc.
  • Estimulantes: Aumentam as percepções, produzindo aumento de atividade pulmonar e redução da fadiga. Exemplos: cocaína, crack, cafeína, metanfetamina, etc.

Para a realização do exame:

É necessário estar com cabelo limpo e livre de gel ou cremes. Ressaltamos que em caso da coleta nos pelos do corpo, também é necessário estar atento para não passar nenhum produto na pele.

Copyright © 1998-2017 Segura Medicina e Higiene Ocupacional® - Todos os direitos reservados